Novas datas da Missão Internacional de Estudos à China inédita, de 16 a 25 de outubro & anúncio de Visita Presidencial
6 de setembro de 2019

 

Faça parte de uma viagem de estudos inédita: Relações Governamentais na China.

Venha conhecer como são feitas as relações governamentais na segunda maior economia do mundo. Um país complexo, diverso e de sistema político único.

16/10 a 19/10 – Xangai

19/10 a 25/10 – Pequim

 

Diante do anúncio da visita de Estado do Presidente do Brasil à China, o IRELGOV decidiu atender à demanda dos participantes da missão e dos associados de ajustar a data do programa de estudos na China para o mês de outubro. 

As novas datas são 16 a 25 de outubro de 2019.

O objetivo do ajuste é permitir ao grupo participar das atividades da missão empresarial que habitualmente acompanha visitas de Estado. 

A viagem terá início em Xangai e terminará em Pequim, sendo o último dia dedicado às atividades empresariais da visita presidencial.

Veja AQUI o programa tentativo.

A agenda combina aulas na Academia de Ciências Sociais de Xangai e na Universidade de Pequim, reuniões com órgãos governamentais, visitas a empresas chinesas e multinacionais, além de câmaras de comércio.

A possibilidade de combinar uma imersão em relações governamentais com uma visita presidencial será uma experiência profissional de muita expressão e uma oportunidade ímpar.

Esperamos que você possa participar conosco!

 

As inscrições devem ser feitas até 30 de setembro.

AS VAGAS SÃO LIMITADAS! 

Solicite a sua inscrição no e-mail: estagio@irelgov.com.br

Enviaremos os documentos para formalização.

Informações também via Whatsapp: 11 98536-0012

 

Mantivemos o valor do 1º lote de inscrições, com pequena alteração causada pelo valor das diárias de hotel para estas datas. O novo pacote de preços está abaixo:

Passagens aéreas Brasil/Xangai e Pequim/Brasil não estão inclusas no pacote e devem ser adquiridas separadamente.



Agenda:

Para receber as novidades, materiais e artigos do IRELGOV diretamente em seu e-mail


Inscreva-se